Existem muitas maneiras para se criar uma estrutura de fila JMS no servidor de aplicações WebLogic server. Se você esta iniciando no “mundo” JMS e não precise criar/controlar conexões através de uma “connection factory” por exemplo, este post é uma boa referência para iniciar seus estudos, então, para criar uma estrutura de fila JMS no servidor WebLogic, é preciso executar  basicamente 3 etapas. Sendo elas:

  1. Criar um Servidor JMS;
  2. Criar um Módulo JMS;
  3. Criar recursos (Neste caso, uma fila) para o Módulo;

Para iniciar as criações e configurações de uma fila JMS no WebLogic, acesse o console de administração do Weblogic e execute os passos descritos a seguir:

Se você não sabe o que é e nem como acessar o console de administração do Weblogic Server, lêia o post “Console de Administração Weblogic Server

1. Criando um servidor JMS
1.1. No painel “Domain Structure“, figura 01.

Figura 01

Figura 01

Acesse: “Services >> Messaging” e então clique sob “JMS Servers“.

1.2. A página “Summary of JMS Servers“, é apresentada, figura 02.

Figura 02

Figura 02

Para criar um novo servidor JMS, clique em “New”.

1.3. Uma página para atribuir um nome para o servidor JMS é apresentada, figura 03.

Figura 03

Figura 03

No campo “Name”, informe: “JMSServer-Blog” e clique em “Next”.

1.4. Nesta página, figura 04. Uma instância de um servidor pode ser selecionada.

Figura 04

Figura 04

Selecione em “Target” a instância “AdminServer” ou a instância que você deseja implantar para esse Servidor JMS e clique em “Finish” para finalizar a criação do servidor JMS.

1.5. Se não ocorrer erros, deverá voltar para a página “Summary of JMS Servers” e na lista de servers, o novo servidor JMS criado deverá ser apresentado, figura 05.

Figura 05

Figura 05

Primeira etapa esta concluída e o Servidor JMS criado.

2. Criando um módulo JMS
2.1. No painel “Domain Structure“, figura 06.

Figura 06

Figura 06

Acesse: “Services >> Messaging” e então clique sob “JMS Modules“.

2.2. A página “JMS Modules” é apresentada, figura 07.

Figura 07

Figura 07

Para criar um novo Módulo JMS, clique em “New”.

2.3. Uma página para criar um novo Módulo JMS é apresentada, figura 08.

Figura 08

Figura 08

No campo “Name”, informe: “SystemModule-Blog” e clique em “Next”.

2.4. Agora o servidor ou cluster no qual você gostaria de implantar para esse módulo do sistema JMS deve ser selecionado, figura 09.

Figura 09

Figura 09

Selecione “AdminServer” ou o(s) servidor(es) e/ou cluster(s), e clique em “Next”.

Nota – Você pode reconfigurar alvos mais tarde, se desejar.

2.5. Uma página para adicionar recursos ao módulo é apresentada, figura 10.

Figura 10

Figura 10

Marque a  opção “Would you like to add resources to this JMS system module?” e clique em “Finish”.

Após clicar em “Finish”, será redirecionado automaticamente para a página “Settings for SystemModule-Blog”. Figura 11.

Nota – Ao marcar a opção “Would you like to add resources to this JMS system module?” indica que deseja adicionar imediatamente recursos para este módulo do sistema JMS após sua criação. Recursos JMS incluem filas, tópicos, fábricas de conexão, etc.

2.6. Nesta página (Settings for SystemModule-Blog) resume os recursos JMS que foram criadas para o módulo do sistema JMS, incluindo filas e tópicos destinos, fábricas de conexão, modelos JMS entre outros.

Figura 11

Figura 11

Também a segunda etapa foi concluída e o Módulo JMS criado.

3. Criar recursos para o módulo
3.1. Na página “Settings for SystemModule-Blog”, figura 11(figura anterior) . Clique em “New”.
3.2. A página “Create a New JMS System Module Resource” será apresentada, figura 12.

Figura 12

Figura 12

Marque a opção “Queue”, para criar a Fila, clique em “Next”.

Nota – Aqui você tem a possibilidade de criar recursos em um módulo do sistema JMS, como filas, temas, modelos e fábricas de conexão.

3.3. Uma página para atribuir um nome e o JNDI Names para o servidor JMS é apresentada, figura 13.

Figura 13

Figura 13

No campo “Name”, informe: “Queue-Blog” e em “JNDI Name”, informe: “jms/XA/BlogQueue”, clique em “Next”.

Nota – Aqui é necessário informar um nome para a Fila/Queue e o nome para o JNDI. Estas propriedades são utilizadas para identificar a sua nova fila.

Nota – É através da propriedade “JND Names” que as aplicações produtoras de mensagens vão utilizar para acessar esta fila.

3.4. É preciso criar um modelo de subimplantação, figura 14.

Figura 14

Figura 14

Clique em “Create a New Subdeployment”.

3.5. Uma página para atribuir um nome para o modelo é apresentada, figura 15.

Figura 15

Figura 15

No campo “Subdeploymen Name”, informe: “Queue-Blog-Subdeploy”, clique em “OK”.

3.6. Então selecione o modelo criado “Subdeploymen Name” e o servidor JMS criado no passo 1, neste nosso exemplo foi com o nome: “JMSServer-Blog”, figura 16.

Figura 16

Figura 16

Clique em “Finish”.

Pronto, o servidor JMS o módulo JMS e um recurso (fila) para o módulo foram criados, com isso finalizamos todos os passos.

Em um próximo post, vou mostrar como escrever uma aplicação que produz mensagens para esta fila JMS.

Por enquanto é isso, até o próximo post.

2 comentários para “Criar Fila JMS no WebLogic server

  1. Rafael on 1 de julho de 2014 at 15:41 said:

    Boa tarde, gostei do tutorial.

    comecei a usar JMS junto com OSB. Tava procurando como ler as mensagens enviadas ao servidor e seu tutorial ajudou a escrever, no servidor no meu projeto de testes. Se puder fazer a leitura vai ser de grande valia, depois de muita pesquisa consegui andar, mas pra quem ta começando nesse mundo não se acha um material de tanta qualidade como o seu!!!

    Parabéns!!!!

    • Olá Rafael,
      fico feliz em ajudar, a intenção é sempre compartilhar informações com a comunidade.

      Você precisa de um exemplo que escreve conteúdos na lista, é isso ?

      Se tiver sugestões para novos posts, fique a vontade.

Deixe um comentário

Campos obrigatórios são marcados *

Post Navigation